segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Prendas de Natal


Já compraram as prendas de natal?
Eu ainda não, aliás as únicas que vou comprar serão para os filhos e para os afilhados.
Os adultos vão receber pequenos cabazes feitos por mim, com carinho, apenas para marcar a data.

Já lá vai o tempo em que se compravam prendas para todos e à meia-noite o chão da sala se transformava num mar de papel de embrulho e laços!

Estamos em tempo de crise, e cá em casa não é diferente. Estamos os dois desempregados, e pela 1ª vez em 20 anos de casamento, este ano não "entra" nem um subsídio de natal.

Não posso revelar o conteúdo (ainda), mas foi inspirado em cada um dos vossos.

Beijos/ A mãe


8 comentários:

  1. Há uns 3 anos que decidir acabar com a história das prendas em definitivo (à excepção dos meus sobrinhos pequeninos). Não é por uma questão de dinheiro sequer mas porque não gosto de compromissos de obrigação. Dou prendas quando posso, quando me apetece. Aliás...há algum tempo que desejo que esta quadra passe depressa porque me incomoda por motivos vários... Muita coisa se perde com o tempo e eu prefiro os dias comuns.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já tentei há uns anos atrás mas não consegui, e quando não se pode vencê-los, juntamo-nos a eles...
      Acredita que se não fossem os filhotes, passava esta data de maneira diferente. Desde que perdi a minha mãe muita coisa mudou e deixou de fazer sentido, mas tenho que enfrentar...

      Beijos/ A Mãe

      Eliminar
  2. Bom dia,

    Cá em casa as prendas são sempre pelo mínimo. As filhotas claro têm direito a umas prendinhas melhores e os afilhados também umas lembranças. Para os adultos compotas e bolachas.
    O importante é juntar a família, e passar uma noite bem acolhedora

    beijocas
    Paula

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo, para mim as prendas são cada vez mais dispensáveis, o que importa é estar bem e se for possível, com a família.

      Beijos/ A Mãe

      Eliminar
  3. Obrigado pelo teu comentário =)

    Olha aqui por casa ainda não está nada comprado, eu vou só dar lembrancinhas pois também estou desempregada. É mais pela "graça" pois não tenho mesmo dinheiro.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com a praga que o desemprego se tornou acho que voltamos a dar mais importância àquilo que realmente tem.

      Beijos/ A Mãe

      Eliminar
  4. Realmente temos que dá importancia para o que é importante de fato como a vida em comunhão com a família e os verdadeiros amigos. Devemos presentear só quando o dinheiro está correndo solto, sem crises. Ainda não comprei nada para presentear, mas também vou dar lembrancinhas. Beijos amiga, e espero em Deus que o Ano Novo traga prósperidade ara todos voces! É de coração mesmo. Mais beijos....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nina, muito obrigada pelas suas palavras.

      Beijos/ A Mãe

      Eliminar